Alternativa ao PHP

Home Fórum Desenvolvimento PHP Alternativa ao PHP

Este tópico contém respostas, possui 4 vozes e foi atualizado pela última vez por  felipemantoan 2 anos atrás.

Visualizando 8 posts - 1 até 8 (de 8 do total)
  • Autor
    Posts
  • #16000

    felipemantoan
    Moderador

    Há alguns meses atrás, logo, após concluir o curso técnico (quase 1 ano). Fiquei decepcionado com o mercado e com o curso em si. Depois disso comecei a pensar em abandonar o php, porém pra qual linguagem migrar?

    C (gostei dela, só que não é OO);
    C++ (muito escrita para pouco resultado {mesmo assim tudo é fácil de aprender});
    C# (Muitos tutoriais porém, pra linux não funciona);
    Python (Gostei, mas pra windows (sem muitos tutoriais em portugês [ainda há uma indecisão com python2 e python3]) e é muito difícil de distribuir o programa escrito com ela {pronto});

    #16011

    Eu sou da opinião de que um programador não é feito de linguagem, mas sim de lógica. O que eu quero dizer com isso?

    Que o que você conseguir fazer com linguagem A, você também vai conseguir com linguagem B se sua lógica for apurada. Daqui pra frente é uma questão de decidir qual plataforma você quer atingir: desktop, web, mobile ou tudo junto?

    Decidido isso é hora de encontrar uma linguagem que atenda sua necessidade, seja ela PHP, JAVA, C, ou qualquer outra.

    Por que eu digo isso? Bem, porque vejo muitos programadores falando mal de Delphi, por exemplo, mas tenho um amigo que desenvolveu (com uma equipe, claro) em ERP mais que completo para indústrias, usando Delphi com banco Firebird. Querem falar mal do Delphi, podem falar, mas o cara fatura alto com o que os outros desprezam.

    #16014

    caiohdearaujo
    Participante

    Ricardo,

    poderia ser mais detalhista no que você entende como lógica? Seria a capacidade der cria e interpretar algorítimos?

    Caio.

    #16016

    felipemantoan
    Moderador

    A lógica de programação é basicamente a maneira como você resolve problemas do mundo real, ou relacionados a tecnologia da informação. (Nossa como essa explicação não serve pra nada).

    É complexo pra uns e fácil pra outros, mas grosso modo, vamos começar pela matemática (como ela foi pensada):

    Ex:. A equação de segundo grau.

    
    a = 2
    b = 3
    c = -5
    

    Logo:

    
    aX² + bX + c = 0
    
    

    Dai nos passamos pro básico, nós sabemos que A não pode ser 0 (zero)…bla..bla…bla…

    Bom a partir dai vamos pra lógica, todas as linguagens de programação possuem tem métodos de entrada e saída, funções pra cálculos matemáticos, maneiras de ‘conversar’ com bancos de dados, laços de repetição, comentários e muitas outras funções. Isso tudo se repete em muitas linguagens.

    Alguns exemplos de linguagens e pseudo – códigos:

    Em Portugol (pseudo – código escrito em pt-BR):

    
    
    algoritmo OlaMundo
    
    inicio
       escreva('Olá, Mundo!')
    
    Enquanto(Verdadeiro)
    ...
    
    fim
    

    Em C (os primórdios da informática como a conhecemos hoje):

    
    #include <stdio.h>
     
    int main(void)
    {
        printf("%d","Olá, Mundo!");    
        
        while(true)
        {
           ...
        }
        return 0;
    }
    

    Em php (web):

    
    <?php
    echo 'olá mundo';
    
    while(TRUE)
    {
    ...
    }
    ?>
    

    Ou até mesmo em python (a forma de escrita mais diferenciada)

    
    print('Olá mundo!')
    while(True):
        ...
    
    #16017

    felipemantoan
    Moderador

    a partir disso você consegue criar qualquer coisa

    #16022

    felipemantoan
    Moderador

    A primeira pergunta não foi muito direta, pois, não expressei alguns pontos que eu gostaria de abordar sobre uma possível migração:

    Velocidade de execução da linguagem, velocidade de escrita, quanto de conhecimento uma única pessoa tem que ter pra fazer um suporte, o quanto um servidor (ou uma estação de trabalho) consome no dia-a-dia, o futuro da linguagem, quantos profissionais estão produzindo com ela, quais são as desvantagens em produzir com ela.

    #17555

    rogeriosampaio
    Participante

    O problema é que todos os dias a linguagens novas! Você se especializa em uma e vem outra! Aff!

    Eu sou meio perdido nesse quesito.

    Estou Fazendo agora, PHP, CSS, HTML … vamos ver o que rola!

    Teria uma diretriz do que fazer? Primeiro…. para saber todo o resto? Como disse Ricardo?

    #17556

    felipemantoan
    Moderador

    @rogeriosampaio o desenvolvimento web se baseia em 3 pilares, HTML, CSS e Javascript. Com estes 3 conceitos você consegue criar sites, bonitos e bem diagramados(claro que tudo estático); Depois que você começa a aprender vira um vicio, ai você move esforços para aprender uma linguagem de programação para gerar HTML, e logicamente usar funções de banco de dados; Depois de aprender a linguagem de programação, e aprender SQL, vem os Frameworks, que vão facilitar o seu trabalho;

    Logo fica assim:
    1 – HTML;
    2 – CSS;
    3 – Javascript;
    4 – WireFrames, e Layouts;
    5 – Uma linguagem de programação (como você citou acima PHP);
    6 – SQL;
    7 – Aprofundar seus conhecimentos na linguagem(PHP Orientado a Objetos);
    8 – Frameworks(ferramentas que ajudam desenvolvedores jQuery, Foundation, CodeIgniter, BootStrap e afins);

    enfim segue o artigo completo sobre http://dev.rbtech.info/o-processo-de-criacao-de-sites-formacao-profissional/

Visualizando 8 posts - 1 até 8 (de 8 do total)

Você deve fazer login para responder a este tópico.